É

21 out

É bonito ver a apresentaçao de Marcelo Camelo e Hurtmold.  O ballet dos músicos paulistanos transformando em sons as sensações do compositor carioca. O sorriso estampado e constante naquela figura barbuda, alta e magra… que as vezes varia entre o riso nervoso de estar sozinho enfrentando um novo desafio… e o público. Cantando junto todas as músicas do primeiro trabalho-solo de Marcelo Camelo… o disco “Sou”. O sorriso de Camelo aumenta. Foi bonito ver essa apresentação na última sexta (17) em Curitiba. Bonito. E a definição é simples assim, porque é isso. Como o disco… não tem mistério. Ele te dá várias possibilidades de interpretações e respostas… pode ser bem cabeçudo para quem quiser… mas no final das contas são notas e acordes que escorregam em seus dedos, ilustrados por um clima “de bem com a vida” nos quase sussurros. Não é triste, nem piegas… mas melancólico. E melancolia nos acompanha desde os primeiros acordes do samba… Camelo só foi fiel a algumas influências (entre as várias que o acompanham em “Sou”). 

Pronto… esta é uma interpretação… obrigado, Camelo.

BR Press

Foto: BR Press

Quando anunciado que o músico tinha disponibilizado algumas novas composições em sua página do Myspace, o que se ouviu ali parecia o experimento de uma egotrip… Pé atrás logo de cara… mas o resultado final provou o contrário. Ainda mais depois que notícias falavam sobre as participações de Mallu Magalhães, Dominguinhos, Rob Mazurek… e o Hurtmold. A parceria do ano. E se isso já tinha ficado claro com o disco… no show fica iluminado.

O Hurtmold pode se transformar em 5 ou 6 bandas diferentes, entre uma música e outra. Exatamente o que “Sou” precisa. Ao vivo as composições ficam gigantes e com fugas que respeitam a individualidade de cada um no palco. Do arranjo que vai crescendo em “Janta”, bem diferente da linearidade do disco… até as explosões em “Menina Bordada” e o risco de quase classificar como pós-rock outras passagens (injustiça). E ai voltamos ao ponto de partida… é bonito ver isso.  Continue sorrindo, Camelo.

“Menina Bordada” no show em Curitiba: 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: