o lamento de bessie

8 dez

Maravilhas que só o youtube  traz para você. Eu já twitei esse vídeo, mas ele merece um post; “St. Louis Blues” de 1929, o único filme de Bessie Smith e uma das primeiras produções com som da época. Inspirado na composição homônima que retrata  o lamento de um coração partido no meio do gueto, conta com participação da Fletcher Henderson’s Orchestra e a sensação de se aproximar um pouco mais desse distante universo.

Bessie Smith foi a artista negra mais bem paga nos anos 20. E a primeira. Era chamada de “The Empress of the Blues”, dividia o palco com Louis Armstrong, cantava músicas de Alberta Hunter e tinha todo o respeito e prestígio da Columbia… mas teve uma vida bem complicada… o que acabou se tornando uma constante na trajetória de boa parte das divas do blues e jazz que vieram na sequência (Billie Holiday e Etta James que o digam). Desencontros amorosos em dobro com sua bissexualidade, uma carreira meteórica e curta e a morte no anonimato, oito anos depois do lançamento desse filme. Bem na época em que ela planejava o retorno aos palcos. Tudo isso pode parecer cliché, mas como eu disse… ela foi a primeira.

Agora é dar play… são 15 minutos que valem muito mais do que você imagina.

“St. Louis Blues” Parte 1

“St. Louis Blues” Parte 2

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: